(21) 3216-7700 / (21) 2406-7700 (21) 99496-6060
Por Rafaela Carrilho
Parceria com as instituições do entorno é um compromisso firmado pela Universidade Castelo Branco. Por isso, quando o Destacamento de Bombeiro Militar 1/8 (DBM), em Realengo, acenou com a possibilidade de fazer um treinamento na instituição, a Segurança do Trabalho aceitou prontamente.

A comandante do DBM, major Carla Azevedo, conta que “nós assumimos o comando há mais ou menos dois meses e começamos a percorrer a nossa área operacional visitando os pontos críticos para nos apresentar, colocar o quartel à disposição e também fazer um trabalho de consciência e prevenção junto à administração desses estabelecimentos sobre a importância de manter todos os materiais de combate a incêndio em condições de uso, como extintores e mangueiras, e nos colocamos à disposição para realizar simulado que pudesse envolver não só nossa tropa, mas funcionários e brigadistas. E a Universidade Castelo Branco foi a única instituição que nos acolheu nesse sentido. Entendeu a necessidade desse trabalho. Então, nos reunimos com os responsáveis da Segurança do Trabalho para poder planejar essa ação simulada”.
Na manhã do dia 29 de junho, a quadra poliesportiva e o Laboratório de Fotografia, ambos no bloco D, do campus Realengo, foram o cenário de uma simulação de incêndio e resgate de vítima. Maurício, funcionário de Serviços Gerais, foi resgatado pelos bombeiros dentro do laboratório após o combate às chamas. O exercício contou com ambulância, viatura e uma equipe com quase dez profissionais.

Para a major Carla, “ação foi muito positiva. Fica um legado não só para a Universidade, para os alunos, para a força de trabalho, que, vendo a nossa participação aqui, lembram da importância da cultura preventiva, uma percepção de risco mais aguçada”. Sobre esse tipo de treinamento, a major afirma que “pra nós é sempre bom treinar como se fosse uma situação real e nos permite conhecer com um pouco mais de proximidade as instalações desses pontos críticos para, no caso de haver um sinistro, a gente já conhece”.

Rodrigo Santos, técnico em Segurança do Trabalho, agradeceu a ação dos bombeiros e afirmou que esse tipo de exercício aproxima a UCB dos bombeiros e da comunidade.