(21) 3216-7700 / (21) 2406-7700 (21) 99496-6060

Por Rafaela Barbosa

A aula magna do curso de Fisioterapia aconteceu na terça-feira, 21 de agosto, no teatro Carlos Wenceslau, em Realengo. Com grande parte das cadeiras ocupada, o coordenador Wagner Teixeira deu as boas-vindas aos alunos e um breve panorama das principais atividades do curso ao longo do semestre, que no dia 13 de outubro celebra o dia do fisioterapeuta.

 

O mestre Alessandro Carvalho falou sobre o artigo “Força muscular e função executiva como parâmetros complementares para a avaliação do comprometimento da doença de Parkinson”, no qual ele esteve envolvido desde a concepção. A pesquisa reforça a importância da atividade física na promoção de qualidade de vida aos portadores da doença.

— Espero em outras aulas magnas estar apresentando resultados de pesquisas desenvolvidas aqui nessa universidade. Eu já pude ver que os recursos são fantásticos e permitem, sem sombra de dúvida, fazer o mesmo tipo de trabalho que a gente faz nas universidades públicas. Espero estar fazendo esse trabalho junto com vocês.

 

A outra palestrante foi a professora Dra. Wilma Costa Souza, que abordou o tema de um artigo científico de sua autoria “A Estimulação Transcraniana por Corrente Contínua (ETCC) associada à Terapia de Restrição e Indução do Movimento (TRIM) na recuperação funcional no AVE“. Ao longo da conversa, ela enfatizou os benefícios dessa prática e os cuidados que os profissionais de fisioterapia devem ter.

 — Nós não somos “ligadores de aparelho”.  A gente sabe o que faz porque faz e é isso que nos distingue como fisioterapeutas. Então, é importante saber exatamente o que se quer alcançar, como alcançar e qual o efeito que isso produz no organismo do sujeito.

A valorização da pesquisa cientifica esteve presente durante toda a conversa. Os professores fomentaram nos alunos a vontade de produzir artigos e se puseram à disposição para futuras referências. A UCB apoia a produção científica e valoriza os profissionais envolvidos nessas atividades.